PINGDOM_CANARY_STRING
tomada de notas visuais

Tomada de notas visuais para alunos e professores

Tempo de leitura: cerca de 8 minutos

Para muitos alunos, tomar notas na forma tradicional é uma atividade sem sentido e mecânica. Enquanto o professor dá uma aula ou faz uma apresentação, os alunos preenchem páginas e páginas com notas escritas, um cenário com o qual estamos todos familiarizados.  

E embora as notas escritas sejam melhores do que nada, elas nem sempre são a maneira mais eficaz de os alunos aprenderem o conteúdo. Muitas vezes, entram por um ouvido, passam pelas anotações e saem pelo outro ouvido — especialmente quando os alunos usam computadores para fazer as anotações

Aqui está o problema: a maioria dos alunos (e professores) não está ciente de nenhuma técnica alternativa de anotação. Ou são notas escritas ou não é nada. É aí que entra esta postagem. 

Nesta postagem, vamos detalhar o quê, por que e como fazer anotações visuais, uma poderosa ferramenta de aprendizado dentro e fora da sala de aula. 

O que é a tomada de notas visuais?

Quando as pessoas ouvem o termo tomada de notas visuais, muitas vezes imaginam uma página cheia de desenhos, esquemas ou ilustrações complexas: carregada em recursos visuais, mas com pouca ou nenhuma informação escrita. Embora esse estilo de tomada de notas seja uma forma de tomada de notas visuais (conhecida como sketchnoting, ou notas ilustradas), é apenas uma das muitas abordagens para a prática. 

A maioria das abordagens para a tomada de notas visuais combina elementos escritos e visuais para registrar informações de uma forma que seja organizada, de fácil assimilação e visualmente atraente. Normalmente, as informações são estruturadas usando um formato lógico e consistente, como um gráfico ou diagrama. 

Um dos melhores aspectos da tomada de notas visuais é sua flexibilidade. Não há uma maneira certa de fazê-la, então seja criativo e encontre a proporção texto/recurso visual que funciona para você!

Benefícios da tomada de notas visuais

Todos nós conhecemos o ditado “em time que está ganhando, não se mexe”. E você pode estar pensando a mesma coisa sobre a tomada de notas visuais: por que os alunos deveriam parar de usar os métodos tradicionais de anotações se elas vêm funcionando por tanto tempo? 

Bem, a tomada de notas tradicional não funciona. Pelo menos não tão bem quanto poderia. E certamente não funciona para todos os alunos. Abaixo estão três benefícios comuns do uso de técnicas de tomada de notas visuais:

1. Retém a atenção dos alunos: não importa o que você faça, apenas copiar informações é, bem, chato. Nada melhor para fazer um aluno dormir do que uma hora de tomada de notas no modo tradicional. A maioria das técnicas de tomada de notas visuais, por outro lado, exige o envolvimento do aluno. 

Para organizar as informações em um formato visual, os alunos não podem simplesmente escrever exatamente o que ouvem — eles precisam processar as informações, fazer conexões e decidir onde e como registrar esses dados. Isso requer muito mais atenção e engajamento de cada aluno. 

2. Organização: quando chega a hora de revisar suas anotações, não há nada mais frustrante do que perder tempo procurando por aquela informação naquela página. E quando suas notas são páginas e páginas de texto escrito, o processo pode demorar um pouco. 

Com anotações visuais, as informações que você registrou são mais fáceis de serem assimiladas. Ideias semelhantes são frequentemente agrupadas, facilitando o rastreamento de informações específicas e a revisão de suas notas de modo geral. 

3. Retenção de informações: lembra-se do que dissemos antes? Muitas vezes, as informações apresentadas na aula entram por um ouvido, são automaticamente anotadas e saem diretamente pelo outro ouvido. Como a tomada de notas visuais exige mais envolvimento dos alunos, ela também os ajuda a reter informações. Os processos de fazer conexões e pensar criticamente sobre o assunto são incorporados ao processo de tomada de notas. 

Dicas para a tomada de notas visuais

Então, como é a tomada de notas visuais na prática? E como alunos e professores podem tirar o máximo proveito de suas notas visuais?

Até agora, você provavelmente já percebeu algo: as notas visuais podem ser feitas à mão ou em um computador, tablet ou outro dispositivo eletrônico. Ambos os métodos são eficazes, mas os dispositivos eletrônicos oferecem certas vantagens, especialmente no mundo atual de ambientes de aprendizado remoto, assíncrono e híbrido.  

Ao criar notas visuais, lembre-se destas dicas:

Adicione imagens: se você estiver criando suas notas eletronicamente, seja com o Lucidspark ou outra plataforma semelhante, inclua imagens. Tudo, desde gráficos e tabelas a fotografias de números importantes, pode ajudar a aprimorar suas notas visuais. O cérebro processa imagens de forma diferente do que faz com textos. Então, ao adicionar imagens, você está envolvendo diferentes partes do seu cérebro no processo de aprendizagem.

Use conectores: em notas escritas, as conexões e associações entre ideias nem sempre são claras. As notas visuais oferecem uma solução fácil: use conectores! Isso pode ser tão simples quanto desenhar linhas entre ideias e termos relacionados, mas também há espaço para sistemas mais complexos. 

Quanto mais tipos de conectores introduzir, mais tipos de relações poderá visualizar nas suas notas. Considere usar linhas pontilhadas, setas e até conectores codificados por cores.

Varie a formatação do texto: mesmo em notas manuscritas tradicionais, os alunos geralmente variam o tamanho, a cor e o estilo de escrita para indicar cabeçalhos, subcabeçalhos e outros elementos organizacionais. Não mate essa prática ao passar para as notas visuais. 

Se você estiver criando notas visuais eletronicamente, as possibilidades de formatação de texto são infinitas. Você pode usar a formatação de texto para tornar suas notas visuais mais organizadas e, como resultado, mais fáceis de serem assimiladas. 

Cores: a codificação por cores é outro resquício da tomada de notas tradicionais. Você se lembra da criança da sua aula de biologia do nono ano com dez cores diferentes de canetas para codificar suas anotações por cores? Seja aquela criança. Na tomada de notas visuais, você pode codificar cores muito mais do que um texto. Tudo, desde contêineres a notas adesivas e conectores, pode ser codificado por cores para tornar suas anotações mais eficazes. 

Técnicas de tomada de notas visuais

Pense em cada técnica de tomada de nota visual como uma ferramenta em sua caixa de ferramentas de anotação — quanto mais técnicas você aprender e se sentir confortável em usar, melhores serão suas anotações. Não importa o conteúdo que está sendo ensinado, você terá uma técnica de anotação para registrá-lo de maneira organizada e de fácil assimilação. 

Quatro das técnicas mais comuns de tomada de notas visuais são: 

1. Diagramas de Venn 

Se você já teve que comparar e contrastar ideias, há uma boa chance de você ter usado um diagrama de Venn. E se você não teve, provavelmente deveria ter tido. Os diagramas de Venn são uma maneira simples de registrar as diferenças e semelhanças entre duas coisas - podem ser ideias, assuntos, pessoas etc.

Cada ideia abrangente em um diagrama de Venn é representada por um círculo. Esses círculos se sobrepõem uns aos outros, e quaisquer semelhanças são escritas na área de sobreposição. Se você está tendo dificuldade em visualizar isso, por que não entrar de cabeça e fazer um teste com um modelo de diagrama de Venn?

tomada de notas visuais
Exemplo de diagrama de Venn (clique na imagem para modificar online)

2. Mapas mentais 

Os mapas mentais são frequentemente usados como uma técnica de brainstorming, mas também podem ajudar você a organizar as informações em suas anotações. Em um mapa mental, a ideia central ou principal é colocada no centro, com os braços se ramificando para cada ideia menor. Esses ramos então se dividem em ideias ainda menores e assim por diante.

Para começar, desenhe um círculo (ou outra forma) e escreva sua ideia principal no centro. À medida que as subcategorias aparecem, desenhe mais formas que se ramificam da sua ideia principal e conecte-as com linhas. Ou pule a parte de configuração e vá direto ao processo de tomada de notas com nosso modelo de mapa mental.

tomada de notas visuais
Exemplo de mapa mental (clique na imagem para modificar on-line)

3. Mapas conceituais

Os mapas conceituais se parecem muito com os mapas mentais. As informações nos mapas mentais e nos mapas conceituais são estruturadas da mesma maneira: Uma ideia central é colocada no centro, com ideias menores se ramificando. A principal diferença está nos conectores.

Enquanto os mapas mentais simplesmente usam linhas para conectar ideias, os mapas conceituais usam setas e rótulos para representar as relações entre cada ideia. Você pode até codificar suas caixas por cores — como neste modelo de mapa conceitual — para adicionar mais clareza e organização.

tomada de notas visuais
Exemplo de mapa conceitual (clique na imagem para modificar online)

4. Fluxogramas

Se você está tentando documentar um processo em suas anotações, um fluxograma deve ser a sua escolha. Os fluxogramas usam várias formas e setas para visualizar cada etapa e decisão em um processo. E agora você tem uma decisão fácil para tomar: comece seu fluxograma do zero ou use um modelo de fluxograma

tomada de notas visuais
Exemplo de fluxograma (clique na imagem para modificar online)

Se parece muita coisa para assimilar, não se preocupe. Lembre-se de que você não precisa começar a usar cada uma dessas técnicas de tomada de notas visuais imediatamente. Quando você estiver confortável com o uso de uma ou duas delas, tente adicionar outras à sua caixa de ferramentas.

tomada de notas visuais

Professores e alunos, elevem o nível dos jogos no quadro branco e aumentem a experiência de aprendizado.

Iniciar

Professores e alunos, elevem o nível dos jogos no quadro branco e aumentem a experiência de aprendizado.

Iniciar

Bastante acessado

Zoom’s Lucidspark Zoom App integration

Colaboração aprimorada do Lucidspark com o Zoom

Sobre o Lucidspark

O Lucidspark é um quadro branco virtual que ajuda você e sua equipe a colaborar e colocar em prática as suas melhores ideias. Ele vem com todas as notas adesivas, ferramentas de desenho à mão livre e espaço infinito na tela de desenho de que você precisa para registrar e desenvolver ideias. E ele foi criado especificamente para a colaboração. É um espaço de trabalho onde sua equipe pode discutir ideias e inovar junta em tempo real.

Produzido pelos criadores do Lucidchart, a plataforma utilizada por milhões de usuários em todo o mundo, incluindo 99% das empresas da Fortune 500.

Iniciar

  • Preços
  • Individual
  • Equipe
  • Empresa
  • Falar com o dep. de Vendas
Português
EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañolNederlandsPусскийItaliano
PrivacidadeJurídico
© 2022 Lucid Software Inc.