PINGDOM_CANARY_STRING
pensamento voltado para o design

Como usar o Lucidspark nas etapas iniciais do Design Thinking

Tempo de leitura: cerca de 6 minutos

Quando precisamos solucionar um problema complexo, costumamos recorrer às nossas rotinas sistemáticas. Talvez você arrume sua mesa para afastar qualquer coisa que possa lhe distrair e faça brainstorming de maneira tradicional: com papel e caneta para anotar seu fluxo de ideias. Ou talvez você pense melhor trocando ideias com um amigo. Ou, talvez você saia para caminhar pelo bairro. 

O ponto é: você já deve ter identificado um processo que funciona para você. E isso é ótimo! Entretanto, quando se trata de solucionar problemas em grupo, você e seus colegas de equipe talvez precisem de um pouco mais de estrutura, ou seja, uma abordagem que ajude a destacar as melhores ideias de cada membro da equipe. O Design Thinking serve exatamente para isso. 

Design Thinking é uma abordagem estruturada e focada no usuário para solucionar problemas, e está rapidamente se tornando um padrão no mundo dos negócios. E por quê? É simples: porque funciona. Mas para usá-lo corretamente, sua equipe precisa colaborar. 

Nesta publicação explicaremos como usar o Lucidspark para implementar o Design Thinking com sua equipe. Seja para criar mapas de jornada do cliente ou usar mapas mentais para gerar ideias, o Lucidspark ajuda em todas as etapas do processo de Design Thinking, e principalmente nas três primeiras.  

Como usar o Lucidspark no Design Thinking

Vamos deixar bem claro: se a sua equipe não colaborar, ela não conseguirá acompanhar o processo do Design Thinking. E agora mais do que nunca, isso significa colaboração remota. E convenhamos: chamadas de Zoom não resolvem tudo. Você e sua equipe precisam de uma maneira apropriada para registrar ideias, desenvolvê-las e transformá-las em um plano prático. 

Na primeira fase do Design Thinking, a da Empatia, é fundamental buscar a visualização. Você e sua equipe precisam se colocar no lugar do cliente: como é a experiência dele? Mas descrever a jornada do cliente em palavras escritas não é lá muito útil. Você precisa de um mapa da jornada do cliente. 

Ao avançar pelas etapas do processo de Design Thinking, a visualização continua sendo muito importante. Nas seções a seguir, oferecemos dicas do Lucidspark para ajudar sua equipe a trabalhar de forma visual, colaborativa e com praticidade nas três primeiras fases do Design Thinking. 

Etapa 1: Empatia

O foco no usuário ou cliente proporcionado pelo Design Thinking é um dos aspectos que o diferenciam de outros métodos tradicionais de resolução de problemas. Claro, a maioria das empresas gosta de dizer que sua abordagem é “focada no usuário”, mas o Design Thinking é realmente um aprofundamento desse conceito. 

O objetivo da etapa da Empatia é colocar você no lugar do cliente e, bem, criar uma empatia com sua experiência. É o momento para fazer perguntas: quais os pontos problemáticos para o cliente? O que está funcionando bem na jornada do cliente? O que precisa melhorar? 

Conforme sua equipe faz (e responde a) essas perguntas, você vai acabar percebendo o tanto que mapas de empatia e da jornada do cliente auxiliam nesse processo. 

Mapas de empatia ajudam a desvendar a personalidade do seu cliente: o que o cliente pensa, sente, faz e diz?  O mapa de empatia também trata de outros dois aspectos fundamentais da experiência do cliente: quais são seus pontos problemáticos e seus benefícios? 

Mapas de empatia oferecem um "retrato" do perfil do cliente, e mapas da jornada do cliente documentam a experiência do usuário ao longo do tempo. Quais são as frustrações do cliente em cada ponto de suas jornadas? Juntos, os dois diagramas ajudarão sua equipe a realmente entender quem é o cliente. 

Começar do zero pode ser um pouco assustador, ou parecer um desperdício de tempo, mas não se preocupe! Você pode usar modelos prontos do Lucidspark para dar início ao processo de Design Thinking rapidamente. Para acessar a biblioteca de modelos, abra um mural do Lucidspark e selecione “Modelos” na barra de ferramentas à esquerda. Selecione o modelo desejado e clique em "Inserir modelo" (o botão na parte inferior à direita). Agora navegue para qualquer parte do seu mural do Lucidspark e clique para inserir o modelo selecionado. 

Etapa dois: Definição

Na primeira etapa, você e sua equipe se colocaram no lugar do cliente e tentaram entender seu ponto de vista. Agora é hora de saber mais sobre suas necessidades e problemas específicos. Qual é o problema exato que você está tentando resolver? O objetivo na etapa de Definição

 é identificar o problema e entendê-lo do ponto de vista do usuário.

Conforme identifica os problemas ou pontos problemáticos para o usuário, faça um exercício de “como podemos” com sua equipe. Nesse exercício, os membros da equipe escrevem uma série de perguntas que começam com a frase “como podemos”, e tentam identificar os problemas do usuário. Por exemplo: como podemos tornar a experiência de finalização de compra mais intuitiva? Sua equipe pode usar o recurso de notas adesivas do Lucidspark para registrar as perguntas.

Neste momento do processo de Design Thinking, recomendamos desenhar um mapa de história do usuário. O mapa de história do usuário ajuda a visualizar as formas como o usuário interage com o produto: quais ações podem tomar? Quais tarefas estão tentando realizar? Tudo isso ajuda você a entender melhor o usuário e seus problemas. O que, por sua vez, ajudará a tomar decisões informadas ao tentar solucionar esses problemas.  

Etapa três: Gerar ideias

Você e sua equipe dedicaram um bom tempo a entender o usuário e você descobriu mais sobre alguns problemas específicos que precisam ser solucionados. Agora, finalmente chegou a hora de trabalharem juntos na etapa de ideação do Design Thinking

É o momento certo para usar algumas ferramentas tradicionais de brainstorming, como mapas mentais, brainwriting etc. Com a tela infinita do Lucidspark, cada membro da equipe pode trabalhar em sua própria área do mural e usar técnicas de brainstorming de sua preferência (não se esqueça de aproveitar nossos modelos prontos para economizar tempo!). Para manter todos focados na tarefa, use o recurso de temporizador do Lucidspark. Quando o tempo esgotar, junte as ideias de todo mundo no centro da tela de desenho. 

E depois?

Sua equipe agora tem um entendimento mais aprofundado do cliente e uma longa lista de soluções possíveis. E depois? Escolha uma ideia, ou uma série de ideias para desenvolver e, assim como nas etapas anteriores, faça disso um processo colaborativo. 

O Lucidspark permite que os membros da equipe forneçam informações de diversas maneiras, portanto, escolha uma que atenderá suas necessidades. Se você deseja realizar uma votação tradicional e controlada, use o recurso de votação do Lucidspark. Você pode atribuir a cada membro da equipe um determinado número de votos, definir limites de tempo e muito mais. Para uma abordagem mais descontraída, cada membro da equipe pode reagir às suas ideias favoritas (ou menos interessantes) com emojis, comentários e desenhos. 

emoji

Caso tenha registrado ideias em notas adesivas, use os recursos de agrupar e classificar para analisá-las rapidamente. 

Depois de determinar uma solução, você estará pronto para avançar para as fases finais do Design Thinking!

illustration of people working together

Use o Lucidspark para incorporar o Design Thinking em seus processos. Comece com o nosso modelo de mapa de empatia.

Comece já

Use nosso modelo de mapa de empatia para implementar o Design Thinking em sua organização.

Experimente

Bastante acessado

Zoom’s Lucidspark Zoom App integration

Enriched collaboration with Lucidspark and Zoom

Sobre Lucidspark

O Lucidspark é um quadro branco virtual que ajuda você e sua equipe a colaborar e colocar em prática as suas melhores ideias. Ele vem com todas as notas adesivas, ferramentas de desenho à mão livre e espaço infinito na tela de desenho de que você precisa para registrar e desenvolver ideias. E ele foi criado especificamente para a colaboração. É um espaço de trabalho onde sua equipe pode discutir ideias e inovar junta em tempo real.

Trazido a você pelos criadores da Lucidchart, com a confiança de 25 milhões de usuários em todo o mundo, incluindo 99% da Fortune 500.

Português
EnglishFrançaisDeutsch日本語PortuguêsEspañolNederlandsPусскийItaliano
PrivacidadeJurídico
© 2021 Lucid Software Inc.